Como despertar a imaginação

O assunto que sempre vem à tona nas mentorias é como despertar a criatividade para começar a escrever. Bem, sobre o ato da escrita o que recomendo é o começar, independente do modo em que esteja a sua criatividade. Costumo sugerir às mentoradas que comecem escrevendo sobre o que veem quando olham pelas suas janelas. E, depois, sobre o que enxergam por detrás de cada uma delas. Uma brincadeira, aparentemente despretensiosa, mas que preenche com palavras e emoções um papel, frente e verso, promovendo o destrave do fluxo inicial. De volta à criatividade em si, entre bloqueio e adormecimento, fico com a segunda expressão para definir aquele momento em que há a impressão de que a imaginação engessou. O adormecimento criativo pode surgir quando a vida parece estar em suspenso. Quanto mais projetos, sonhos, vontades forem engavetados ou protelados, maior será o seu sono criativo. É intrínseco. Embora a escrita intuitiva nasça da sua alma e cresça no papel, de fato a criatividade traz para o processo a luz e a leveza necessárias para o repensar de muitas fases da vida bem como insights e novas perspectivas sobre e para uma mesma abordagem. O que recomendo, e pratico, é a curiosidade. Experimentar o se aventurar por novas searas, camadas e nuances. Mexer com as mãos, e com seus pés, na terra, na argila, na tinta. Sentir o que cada uma dessas texturas promovem em seu cérebro e no corpo como um todo. Outra formidável proposta é o desmontar-se. Retirar os véus que lhe camuflam e assumir predileções que, você acredita, tolamente, não fazer bem. Por exemplo: canta e grava sua interpretação, ainda que por toda a sua vida tenha se considerado uma desafinada profissional. Ou escreve uma poesia e recita para o seu grupo de amigos, mesmo que pense não dar conta de fazer um verso sequer. Fotografe seu corpo, ou trechos dele, registre em imagens seus cantos preferidos da casa e do lugar onde mora, desenhe à mão livre a sua história. A criatividade brota quando você se vulnerabiliza. Retira sobre seus ombros pesos desnecessários e sorve o que virá dessa liberdade. É só começar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *